PROJETOS

 Teatro de Rua

 

Origem do teatro, o espaço público é o local mais democrático para uma demonstração artística. Desde os tempos mais remotos, é ele o local utilizado para as festas, as comunhões, os rituais e também o berço das apresentações teatrais.

Os anos se passaram, os espaços públicos foram se transformando, o objetivo do teatro idem, e assim, surgiram os diferentes tipos de palco: arena, semi-arena, palco-carroça, palco-plataforma, carro-palco (o primeiro com cenografia em seu interior). Mas, foi na renascença que o palco tal qual conhecemos começou a surgir. Os espaços se fecharam, e as apresentações ocorriam em seu interior para as pessoas com maior poder aquisitivo.

Em constante mutação, como tudo dever ser, o teatro "fechado" hoje consegue atingir o público de classes variadas. Apesar da venda de ingressos, existem alternativas para pessoas com menor poder aquisitivo. Mas, ainda assim, não é apenas o valor do ingresso que leva, ou não, estas pessoas ao teatro. Existe ainda, por trás de tudo, a formação de plateia...

Esse breve histórico a respeito dos espaços de apresentação teatral serve para observarmos a sua trajetória, escolhermos nosso caminho e/ou experimentarmos as diversas formas que esta arte nos oferece.

 

E, é por esta experiência que a ARTECORPO Teatro e Cia se lançou no espaço público!

Estamos sediados em uma cidade (Niterói) onde este local não é explorado cenicamente em todo o seu potencial, onde não há grupos de referência em teatro de rua, onde esta pesquisa é, até onde sabemos, pioneira.

Ocupamos com teatro uma praça da cidade, realizamos exercícios cênicos de "assalto" (sem aviso prévio) nas ruas e chegamos à conclusão de que o público existe, gosta, participa, não possui pré-conceito, e precisa de mais teatro de rua, de mais proximidade com o artista e a obra, de mais variedade de caminhos e temáticas.

É assim que acreditamos contribuir para a formação da nossa plateia. E quando dizemos nossa, estamos nos referindo não apenas às pessoas que vão até a praça ou à rua ver a ARTECORPO, e sim, àquelas que a partir do primeiro contato com o teatro na rua, percebem a necessidade do mesmo em suas vidas e passam a frequentar, esteja ele ocorrendo em espaço aberto ou fechado. O teatro se torna essencial.